terça-feira, 17 de fevereiro de 2009

Dádiva

Meu nome é Rodrigo Souza Pinhares e estou olhando para uma arma a minha frente pensando em como posso acabar com minha vida.

Sempre fui um cara que não se diferenciava muito na multidão, mais um idiota em busca de emprego fixo, talvez um namoro que passe de dois meses e sentar em uma mesa de bar e ter pessoas rindo comigo.

Acordei no dia 16 de fevereiro e simplesmente tudo mudou, as coisas saiam exatamente como eu queria que acontecesse.

A sindica não reclamou do atraso de 3 meses do condomínio, o ônibus chegou na hora, uma pessoa levantou do banco para eu sentar e ao chegar ao trabalho todos me deram bom dia.

O trabalho era leve e resolveram me dar uma promoção por uma conta fechada com êxito no início da manhã. Fernanda a menina da recepção perguntou se eu gostaria de almoçar com ela e meu patrão disse que enxergava com bons olhos meus serviços.

Durante o almoço Fernanda roçou de leve minha perna, disse que adoraria chegar atrasada para estar comigo em qualquer motel perto, sim ela me desejava tanto que não se importava em ir de ônibus.

O sexo durou exatos seis minutos e mesmo não gozando ela me disse que fui o melhor amante que ela já teve. Simplesmente adorava ter homens que não conseguiam se controlar ao transar com ela.

De volta ao trabalho já haviam depositado o dinheiro extra em minha conta, me convidaram pela primeira vez ao Happy Hour da firma e todos estavam rindo e se divertindo com o que quer que eu falasse.

De volta para casa eu sabia que o ônibus estaria me esperando, a televisão estava pegando todos os canais do vizinho inclusive o adulto e pude tomar uma cerveja estupidamente gelada enquanto me masturbava com minha sorte.

Quando acordei no dia seguinte vi um aviso em cima de minha mesa.

"Aproveite seu dia. Tudo que você desejar irá acontecer."

Estou com a arma apontada para minha cabeça. Se minhas ambições são tão pequenas como o dia de ontem, sei que estou me fazendo um favor.

2 comentários:

Bruna disse...

Acho que, se pararmos pra pensar, todas as ambições que temos ao longo da vida são muito idiotas.

trapaceiro disse...

kkk
demais esse texto. fudidamente engraçado. pena que a resolução seja tão anti-brasília.