quinta-feira, 13 de maio de 2010

Conversa de bar VIII

- Trás mais uma cerveja aí colega. Tem um salzinho? Só para descer essa mandioca insossa aqui.
- Todo engraçadinho esse Zé Eduardo. Só querendo ser o carioca.
- Só querendo ser? Qual é?!
- Re re.

Joguinho fuleiro do Flamengo a cerveja está estupidamente gelada pelo menos. Acaba com quase um empate e então a conversa volta ao ritmo normal no intervalo.

- Acho que o Dunga fez certo de não levar o Neymar. Muito novo.
- Mas qual o problema da idade?
- Ah, sei lá. Sabe é muito garoto. Menino e tals. Imagina se vai para copa do mundo e fica se achando.
- E o que é melhor? Ficar se achando em um time europeu?
- ...
- O que o Dunga esqueceu é que no tempo dele um jogador era exportado com 25 ou 30 anos para jogar fora. Ele se aposentou no Inter, após um chapéu de um moleque chamado Ronaldinho Gaúcho. Não é como essa nova leva de exportação aos 17 anos, como Robinho, Pato e daqui a pouco o Neymar e o Ganso.
- Verdade.
- Sério! Esses garotos de hoje tem mais é que usar toda e qualquer chance de poder jogar no Brasil. Jogar para o Brasil! Não me importo do cara barbarizar na copa do mundo e se achar um monstro do futebol. Que seja! Mas porra, vai lá e seja um monstro com a camiseta amarelinha! Por que é para um monte de fudidos que pegam um metrô lotado depois do trabalho e encher esse Maracanã é que esses milionários de chuteiras estão jogando.

3 comentários:

Mah disse...

adorei meu caro zé.
adorei.

Mah disse...

ah sim. gosto muito de ser coadjuvante desses causos!

;-)

Fogoió disse...

Exatamente, patético esses fdps se prostituirem... Maaaaas... É um dos motivos de eu ODIAR futebol. =)

Prefiro Voley. =X
KKKKKK